sexta-feira, 13 de março de 2009

O Amor ainda estava lá

A vida nos oferece histórias.

Como se fosse uma novela, coisas quase que inacreditáveis acontecem.
Histórias lindas, tristes, felizes e histórias de todas elas juntas.
Tinham uma história dessas juntos,
Amam-se? Sim, loucamente.
Juntos? Não...não mais, não agora.

A cada passo, cada música, cada lembrança encroada na mente,

Ele tem certeza que ficarão juntos,
Assim como ela também.
Mas, não ficam. Não existe explicação,

Colhem os percausos de desencontros marcados,
De encontros casuais.
Amam-se? Sim...E sabem, sentem.
Um amor só deles.
Ele para ela: O Homem perfeito, ela para ele: A mulher de sua vida.
Precisam um do outro. A presença está grudada, carimbada, preparada para qualquer momento, qualquer instante.

A amizade é um disfarce perfeito do amor, um menino levado com suas peraltices.

Namoros, noivados, rolos, casos, passam como um vulcão por eles que compartilham esses momentos.

Aconselhavam-se.
Continuam amando-se.
Longe...de corpos...Juntos...de alma.

Aguardam o momento ideal.

Mas quem disse que o amor tem um momento correto?
Vão estar juntos no final?
Não sabem.
Apenas lembram dos momentos juntos,

Momentos de amizade, companheirismo, carinho...Momentos de puro êxtase de prazer! Momentos de incompreensíveis compartilhamentos a olhos alheios...

...Mas de intensa paixão em seus olhos...

De compreensão em seu atos, da fascinação um pelo outro,

De um respeito um pelo outro incondicional...
São pequenas grandes coisas..
Que é o que para eles, o que realmente importa...
O que seus olhos dizem, o que suas peles sentem...
O que suas bocas bebem...um néctar, suas salivas.
Nova etapa, nova fase...ela está noiva, não dele...Ele decidiu arriscar um novo amor, não o dela.
Deixando apenas a certeza que estarão juntos sim, se não nessa, em uma outra vida qualquer.
Que estarão juntos na energia que emanam um ao outro.
Que estarão juntos em todos presentes trocados. Bilhetes amassados, cabelos molhados.
E guardam em seus corações, sem mais ninguém saber, nada fica entre eles.Um é o segredo do outro.
Esses momentos ficarão, possivelmente voltarão...sempre voltam...
Momentos em que o amor ainda estava lá!

Um comentário:

Mulherzinha Sim! disse...

Caraca, tem muito a ver comigo! Mas não quero esse final, não... rsrs

Bjos