sábado, 9 de agosto de 2008

Quase Deuses - Dica de filme


Sinopse
A história de dois homens, um branco, cardiologista, e seu assistente negro, que lutaram contra os preconceitos dos anos 50. Juntos revolucionaram a medicina e foram pioneiros em cirurgia cardíaca.

Título no Brasil: Quase Deuses
Título Original: Something the Lord Made

País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Classificação etária: 12 anos
Tempo de Duração: 110 minutos
Ano de Lançamento: 2005
Estúdio/Distrib.: Warner Home Vídeo
Direção: Joseph Sargent

Elenco

Alan Rickman .... Alfred Blalock
Mos Def .... Vivien Thomas
Mary Stuart Masterson .... Dr. Helen Taussig
Kyra Sedgwick .... Mary Blalock
Merritt Wever .... Mrs. Saxon
Doug Olear .... Michael Saxon
Michael Ahl .... Doctor at party
James E. Ash .... Resident doctor
David Bailey .... The General

Comentários Du Robs:

Filmes baseados em histórias reais são, em sua maioria, muito bons. Esse então! Um drama vivido e ocorrido nos anos 50, onde a medicina ainda engatinhava perto do que é hoje!
Como é fato, nessa época o racismo era mais latente, fazendo que homens fossem tratados como inferiores, devido sua cor e raça, mesmo que esse homem tivesse uma inteligência extrema, como apresentado aqui, se fosse negro sofreria e muito para vencer na vida!
Filme tocante, sério, de um drama intenso e dosado com a realidade que a história exige e conta, afinal, o fato ocorreu.
Interessante também para estudantes de medicina e não menos interessante a todos apreciadores de um excelente filme. Alugue, veja, se emocione...Vale muito a pena!

Nota Du Robs: 9

Quer dica de outro filme? Navegue pela categoria FILMES do blog e veja mais dicas!

3 comentários:

Nina Carvalho disse...

Eu vi esse filme e adorei!
Venho aqui para agradecer as palavras em meu humilde blog!
Obrigada!

Dzinha disse...

olha que todo mundo está falando desse filme..... eu tenho q ver tb!

Sofia Fresca disse...

Eu adorei o filme Rob's.
Acho que tem uma profundidade pscicológica muito forte.
Gostei de analisar o fato de o médico "amar" o companheiro negro e ao mesmo tempo ficar de mãos atadas.
Muito bom mesmo!
Um dos melhores filmes que eu já vi.
Chorei horrores no final kkkkkkkk


Abração!!

Sofia Fresca

www.sofiafresca.blogspot.com